8 de outubro de 2013

Blogueira coisíssima nenhuma!

E nem amadora!
E nem aprendiz!
E quem me seguir eu também sigo, e quem votar nas minhas notícias eu também voto e quem comentar as minhas postagens também comento.
É assim, sem muito stress porque stress já chega a minha vida que é um verdadeiro balaio de gato. Se correr o bicho pega e se ficar o bicho come.
Bem que eu gostaria de ser uma blogueira profissional, porque acho o máximo um blog lindo e organizado mas é aquele negócio quem pode, pode e quem não pode se sacode.
E eu ? nada mais sou que um sacudimento de blog. E só estou escrevendo tudo isto porque li uma postagem a respeito da responsabilidade de ser blogueiro. Em parte até que concordo, porem eu nunca tive a ideia de ser uma blogueira profissional. De ficar noites sem dormir por causa do blog. Como não tenho papas na língua digo que:
Bem que eu gostaria. Mas na vida existem dois tipos de pessoas. Aquelas que podem e as que não podem. Estou inclusa nas que não podem. Porque se eu me dedicar inteiramente ao blog quem vai pagar minhas contas e colocar o arroz e o feijão na minha mesa? Logo eu que não tenho emprego fixo com salário fixo, não vivo de renda? 
Por isto que digo: não sou blogueira. Partindo do princípio de que ser blogueira é tudo o que eu li na postagem, então reconheço que não sou. Criei um blog ou vários blogs, não para fazer sucesso com eles, é claro que fico muito feliz quando encontro um novo seguidor e retribuo com o mesmo carinho.
E dizem também que até comentam entre si porque a gente não atualiza o blog. Era só o que faltava. Vivo do meu trabalho, e pelo que eu saiba nunca me deparei pedindo nada para ninguém. Por este e outros motivos que não frequento tanto outras redes sociais por aí, porque percebo que algumas pessoas estão mais preocupadas em se meter na vida dos outros.
Existem blogs que são mesmo um exemplo de blog. Reconhecidamente não é o meu caso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pela sua visita ao blog da Chica Chata!